Temer quer exonerar General Mourão

C-130_hercules_FAB_01-960x640
Você sabia? Dá para viajar de graça nos aviões da FAB; veja como
11/12/2017
general-mourao
Mourão, com transferência requerida, aguarda convite de Bolsonaro
13/12/2017
temer-deve-exonerar-general-mourao-do-ministerio-da-defesa-768x512

General Antonio Hamilton Martins Mourão será exonerado do cargo no Ministério da Defesa após falar que Temer faz um balcão de negócios para ficar no poder

O Ministro da Defesa Raul Jungmann confirmou que o presidente Michel Temer (PMDB), vai exonerar nesta segunda-feira (11), o General Antonio Hamilton Martins Mourão, que está lotado no cargo de secretário de Finanças e Economia do Exército em Brasília.

Durante uma palestra para um grupo de militares que apoiam a ditadura militar (1964 – 1985), chamado de Terrorismo Nunca Mais (Ternuma), criticou duramente os ex- presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff (PT), acusou o presidente Michel Temer de fazer do governo, um balcão de negócios para se manter no poder.

“Não há dúvidas de que atualmente estamos vivendo a famosa ‘sarneyzação’. Nosso atual presidente (Temer), vai aos trancos e barrancos buscando se equilibrar, e, mediante ao balcão de negócios chegar ao final de seu mandato”, afirmou Mourão.

Durante o mês de setembro, o general já tinha afirmado que o Exército Brasileiro, “deveria impor uma solução a crise política”, caso a justiça não punisse politicos envolvidos em esquemas investigados na Operação Lava Jato, em uma critica velada ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Membros do governo Temer acham inadmissível que o General faça criticas ao presidente. Mourão pode pedir a reserva remunerada conforme disse pessoas ligadas ao general.

Fonte: Portalam24hs

Aliste-se em nosso Exército e faça parte da Família Veteranos

Comments

comments