Saiba como ingressar e seguir a carreira militar no Exército

20896296
Força Nacional pode virar tropa de elite permanente
04/11/2017
2-_MAF7430-800x445
Niterói cria 172 vagas para contratar sendo 147 para patrulheiro de vias públicas com salário de R$ 2,500
07/11/2017
exercitob

Além do serviço militar, homens e mulheres podem ingressar no Exército Brasileiro como militar de carreira. Confira como funciona

O Exército Brasileiro tem a missão de contribuir para a garantia da soberania nacional, dos poderes constitucionais, da lei e da ordem, salvaguardando os interesses nacionais e cooperando com o desenvolvimento nacional e o bem-estar social. Para isso, prepara a Força Terrestre, mantendo-a em permanente estado de prontidão.

Homens e mulheres que pretendam seguir carreira no Exército têm algumas opções, de acordo com idade e nível de escolaridade, seja como militar de carreira ou temporário. Veja as opções:

Serviço Militar

O Serviço Militar obrigatório consiste na incorporação do cidadão às fileiras das Forças Armadas, por um período remunerado de cerca de um ano, após processo de seleção dos jovens alistados, conforme previsto na lei.

No caso do Exército, durante o ano do serviço militar obrigatório, o recruta frequenta cursos de formação do combatente básico e de uma qualificação militar específica, que o habilitará a mobilizações futuras, quando for o caso. Concluindo o ano de instrução, o militar participa do adestramento de frações constituídas de sua unidade, conhecidas como as manobras em campanha, desempenhando função coerente com sua qualificação militar.

Ainda no serviço militar, há a possibilidade da realização de cursos ou atividades profissionalizantes que irão melhorar a situação do soldado-cidadão no mercado de trabalho quando retornar à sua vida civil.

Além disso, o tempo do serviço militar pode ser prorrogado, para os voluntários, conforme legislação específica, até o limite de sete anos de serviço, com remuneração diferente do primeiro ano, de acordo com sua qualificação e hierarquia alcançada.

Ingresso na carreira militar

O jovem aprovado em concurso irá seguir a carreira militar e permanecerá na Força Armada até passar para a Reserva Remunerada (uma espécie de aposentadoria militar). De acordo com idade e o nível de escolaridade, existem várias opções para homens e mulheres ingressarem no Exército Brasileiro (EB), como militar de carreira.

A carreira poderá começar a partir dos 16 (dezesseis) anos de idade, que é o limite mínimo de idade para a inscrição no concurso da Escola Preparatória de Cadetes do Exército.

Para o militar de carreira, oficial ou sargento, o ingresso só é possível mediante a aprovação em concurso público, de âmbito nacional, para uma das Escolas de Formação abaixo:

Escolas de Formação de Oficiais

  • Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx)

Escola onde o jovem frequenta o primeiro ano de formação do Oficial Combatente do Exército e que lhe assegura acesso à Academia Militar das Agulhas Negras (Amam).

Local: Campinas (SP)

Duração: 1 ano

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail:  concurso@espcex.ensino.eb.br

  • Academia Militar das Agulhas Negras (Amam)

Formação de Oficiais Combatentes, de Intendência e de Material Bélico.

Local: Resende(RJ)

Duração: 4 anos

Mais informações na página da  Academia Militar das Agulhas Negras.

  • Instituto Militar de Engenharia (IME)

Formação de Oficiais do Quadro de Engenheiros, para ambos os sexos.

Local: Rio de Janeiro (RJ)

Duração: 5 anos

Mais informações na página do Instituto Militar de Engenharia.

  • Escola de Formação Complementar do Exército (EsFCEx)

Formação de Oficiais do Quadro Complementar, para ambos os sexos. Responsável pela seleção e preparação de recursos humanos para atuar nas áreas de administração, ciências contábeis, direito, magistério, informática, economia, psicologia, estatística, pedagogia, veterinária, enfermagem e comunicação social.

Local: Salvador (BA)

Duração: 35 semanas

Mais informações na página da Escola de Formação Complementar do Exército.

  • Escola de Saúde do Exército (EsSEx)

Formação de Oficiais do Médicos, para ambos os sexos.

Local: Rio de Janeiro (RJ)

Duração: 35 semanas

Mais informações na página da Escola de Saúde do Exército.

Escola de Formação de Sargentos

Escola de Sargentos das Armas (EsSA), localizada na cidade de Três Corações (MG), é o estabelecimento de ensino militar do Exército responsável pela seleção e formação dos sargentos de carreira do Exército Brasileiro.

Quando aprovado, o aluno realizará um período básico de instrução em uma das Organizações Militares das seguintes cidades: Altamira (PA), Fortaleza (CE), Recife (PE), Jataí (GO), Juiz de Fora (MG), Pouso Alegre (MG), Campo Grande (MS), Rio de Janeiro (RJ), Jundiaí (SP), Pirassununga (SP), Blumenau (SC) e Alegrete (RS).

O período de qualificação é realizado em três estabelecimentos de ensino militar do Exército:

  • Escola de Sargentos das Armas, onde são formados os sargentos de Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia e Comunicações. São as chamadas “Armas” com atuação na linha de frente do combate.
  • Escola de Sargentos de Logística (EsSLog), situada no Rio de Janeiro (RJ), é o estabelecimento responsável pelos cursos de Formação e Aperfeiçoamento de Sargentos de Material Bélico, Intendência, Topografia, Manutenção de Comunicações e Saúde. Além do Curso de Formação de Sargentos Músicos e do Curso de Especialização em Mestre de Música.
  • Centro de Aviação do Exército, situado em Taubaté (SP), forma o sargento encarregado pela manutenção de equipamentos de aviação.

O ingresso ocorre exclusivamente por meio do concurso de âmbito nacional realizado pela EsSA.

Outras informações no site da Escola de Formação de Sargentos.

Mulheres no Exército

Mulheres que desejem seguir carreira no Exército Brasileiro poderão prestar concurso de âmbito nacional para as seguintes escolas militares:

Para quem tem intenção de ingressar no Exército como oficial ou sargento temporário deverá participar da seleção realizada pelas Regiões Militares. Acesse a página Militar Temporário para mais informações.

Atletas militares

Atualmente, o Exército Brasileiro contempla dois níveis de incorporação para atletas que pretendem participar de jogos militares:

A primeira delas é na graduação de 3º Sargento Técnico temporário (3º STT). Estas vagas são preenchidas anualmente por meio de um edital público com divulgação em dezembro e inscrição no início de janeiro. O foco para essas vagas são atletas pertencentes à seleção nacional de sua modalidade, com títulos nacionais e internacionais ou atletas panamericanos e olímpicos.

A segunda maneira de integrar o programa é a incorporação como soldado do efetivo variável. Esta incorporação ocorre da mesma maneira que os jovens de 18 anos fazem ao se alistarem. A diferença está em trazer para servir na Comissão Desportiva do Exército (CDE) os jovens que já são atletas, mas que ainda não integram as seleções nacionais como titulares. São considerados as futuras promessas do esporte, mas já em condições de competir em alguns eventos, representando o Exército e as Forças Armadas.

Caso o atleta queira participar das Competições Militares, ele deverá primeiramente fazer um contato com a Comissão Desportiva do Exército, enviando seu currículo e verificando qual seria a melhor opção de inclusão, como sargento ou como soldado.

A distribuição do número de vagas e a definição das modalidades está baseada no planejamento estratégico da Comissão para o ciclo olímpico e militar. Atualmente, a prioridade da CDE são os Jogos Mundiais Militares de 2015 na Coreia do Sul e os Jogos Olímpicos do Rio em 2016.

Fontes: 

Matéria Original
Portal Brasil
Exército Brasileiro

Aliste-se em nosso Exército e faça parte da Família Veteranos

Comments

comments